terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

ACORDA POVO , está vindo aí um ARREMEDO DE REFORMA. GRITE, PROTESTE





Discussão no Senado sobre reforma política vai começar apenas na próxima semana
Comissão terá prazo de 45 dias para entregar a proposta ao Senado



A comissão de senadores responsável pela elaboração de uma proposta de reforma política só deverá começar a trabalhar na próxima semana, apesar de ter sido criada na última quinta-feira (10). A intenção inicial do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), era instalá-la no máximo até esta quarta-feira (16).


O adiamento das atividades para a próxima terça-feira (22) decorreu de um pedido do presidente do colegiado, Francisco Dornelles (PP-RJ), de acordo com Sarney. Ainda segundo o presidente do Senado, Dornelles já combinou com todos os membros da comissão a instalação dos trabalhos na próxima semana.


Mas o prazo de 45 dias [para a conclusão do trabalho] eu disse a ele que será impreterível [não será adiado].


Entre os itens que serão analisados pela comissão estão a proposta de financiamento público de campanha, de regulamentação da atividade do lobby, e do fim do voto direto a um político nas eleições, entre outros. A reforma política também deve aumentar as regras de fidelidade partidária para impedir que um político eleito por uma sigla mude para outra por questões particulares. Com a fidelidade, cada político escolheria seu partido por acreditar em suas propostas, não por conveniência eleitoral.

Confira também



Em discurso no Congresso durante abertura dos trabalhos do Legislativo, a presidente Dilma Rousseff pediu que os parlamentares se dedicassem à reforma, considerada prioritária para o governo.




POR UMA PARTICIPAÇÂO AMPLA DA SOCIEDADE POR UMA REFORMA POLITICA PROFUNDA, PARA O POVO poder se formar e informar, participar, lutar, e cobrar , PLESBICITO JÁ!


É imoral o que elles confabulam:. A Reforma que vem por aí: O congresso tá curtindo, mas não vai gozar. JSF quero alertar para este fato: Estão adiando sempre esta reforma e trancam a pauta na hora de votarem propostas basicas e essenciais. Querem ( o congresso) um arremedo de reforma. Sem participação popular PROFUNDA não teremos uma reforma satisfatória.


Semana passada vimos um Lindberg em aberta confraternizaçaõ com Collor, e um Collor aos beijos com Itamar.

E COLLOR E ITAMAR , liderados por Sarney fazem parte da comissão que vai fazer a reforma. Dá vontade de mandar pra casa da ..., num dá?
DE PÉ oh VITIMAS DA FOME, Juntos somos fortes, a luta!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário