terça-feira, 1 de setembro de 2009













Sessão dupla Cine Mosquito, dia 10 de setembro - 15 hrs.
Contação de Filmes e 17 hrs. Estréia do média metragem
"No Caminho Com Ivan Cruz"! Imperdível

Local - Teatro Muncipal de Cabo Frio!
CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:
Contação de Filmes com Jiddu Saldanha
Usando recursos de contador de histórias, por onde perpassa a linguagem oral, a mímica e o jogo de cena com o público, Jiddu contará alguns dos mais importantes filmes da cinematografia mundial e Brasileira.
Jiddu Saldanha contará grandes clássicos do Cinema, como Dr. Jivago, Deus e o Diabo na Terra do Sol entre outros. Será um momento de diversão, memória e interatividade com a platéia presente.
Duração . 60 minutos
Contação de filmes, dia 10 de agosto, 15 horas, no festival Curta-Cabo Frio, 2009 - Cine Mosquito especial.

RELAÇÃO DE FILMES QUE SERÃO CONTADOS ÀS 15.H

Deus e o Diabo na Terra do Sol
Glauber Rocha - 1964 / Brasil
Fanny e Alexander
Igmar Bergaman . Suécia/França/Alemanha – 1982
Os Girassóis da Rússia
Vittorio de Sica . 1970 / Itália
O Boulevar do Crime
Marcel Carné . 1945 / França
Dr. Jivago
David Lean . 1965 / USA
O Quatrilho
Fábio Barreto .1994 / Brasil
Atenção:
O Tempo de duração de cada história-filme, será de aproximadamente 10 minutos.

FILMES QUE SERÃO EXIBIDOS ÀS 17H.

Seleção Cine Mosquito 2009
(Festival Curta- Cabo Frio)
Bolinha de Papel - 4 min.
Débora Aranha – Rio de Janeiro
Pela Passagem de uma Grande Dor - 12 min.
De Paulo Mainhard – Cabo Frio
Polifonia - 00:06:30
Artur Gomes – Campos dos Goytacazes
Dos Verbos Somar e Sumir. Som . 3 min.
de Bárbara Morais – Cabo Frio
Cadê o meu Ônibus - 11 min.
Vicentini Gomez / São Paulo

Estréia, primeiro média metragem do projeto Cinema Possível
No Caminho com Ivan Cruz (Título Provisório)
Jiddu Saldanha . Cabo Frio . Documentário. 40 min.
http://www.festivalcurtacabofrio.com.br/

Saramago diz adeus aos leitores de seu blog
Madri, 1 set (EFE)
José Saramago despediu-se dos leitores de seu "Caderno", o blog no qual o escritor português expressava quase que diariamente, desde o dia 15 de setembro de 2008, artigos com suas opiniões e reflexões pessoais.

"É conveniente que as despedidas sempre sejam breves", afirma Saramago em um pequeno post em que dá sinais de que abandona sua atividade como blogueiro: "Adeus, portanto. Até outro dia? Sinceramente, não acho".

Mas, com uma post scriptum, o escritor matiza: "Pensando melhor, não se deve ser tão radical. Se alguma vez sentir necessidade de comentar ou opinar sobre algo, chamarei à porta do 'Caderno', que é o lugar onde mais à vontade poderei expressar-me".

Segundo escreveu ontem Saramago em "Despedida", sua última publicação, a razão de seu adeus está ligada à preparação de um novo livro, ao qual quer dedicar todo seu tempo. "Enquanto isso, aí tem 'Caim'", acrescenta, convidando à leitura de seu novo romance, que estará à venda em outubro.

Compilados recentemente, os artigos de "O Caderno" traçam uma crônica pessoal do escritor em um lugar que o próprio Saramago qualificou como "um espaço pessoal na página infinita da internet", quando apresentou seu blog.

"O Caderno" refletiu durante quase um ano o espírito crítico de seu autor, algo que não agradou, por exemplo, a Silvio Berlusconi, que se negou a publicar a versão italiana do livro em sua editora, a Einaudi, devido às críticas que Saramago fez em seus artigos ao primeiro-ministro da Itália.
www.verbo21.com.br
Entrevistas com JOÃO SILVÉRIO TREVISAN e BENÉ FONTELES
baixe o novo CD de OPUS INCERTUM totalmente free
6 poemas de pedro juan gutiérrez traduzidos por maiesse gramacho
resenha do cordel de wladimir cazé por gustavo rios
patrícia highsmith e "o diário de edith" por chico lopes
"jean charles": o filme por ademir luiz e katiúscia costa
poemas de cláudio vaz e carlos figuerêdo
e a estréia da coluna diálogos

Nenhum comentário:

Postar um comentário